BATE E VOLTA

Roteiro Gastronômico em Barreirinhas e Atins

Os restaurantes locais capricham na criatividade misturando frutas tropicais, temperos típicos e mariscos, como por exemplo, o Camarão no Abacaxi.

Um dos destinos mais procurados por viajantes de todo o mundo é o verdadeiro paraíso para os amantes de frutos do mar. Barreirinhas é a capital dos lençóis maranhenses, fica a 255 km de São Luís e é um ótimo roteiro para viagens rápidas de final de semana, inclusive é possível fazer um bate e volta.
Quando se trata de gastronomia, os restaurantes locais capricham na criatividade misturando frutas tropicais, temperos típicos e mariscos, como por exemplo, o Camarão no Abacaxi. O Você,Gastrô! experimentou este mix de sabores no Restaurante Bambaê. Durante o dia, o bar/restaurante funciona até às 15h, e volta às 18h com o cardápio de pizzas e carta de vinhos para o jantar, com música ao vivo e oferece transfer gratuito do centro até o restaurante.

Camarão no abacaxi, acompanha arroz de açafrão e salada refrescante – (R$110). Restaurante Bambaê. Foto: Igor Diniz

Além de peixes e camarão, o Bambaê também serve Carne de Sol com Queijo Coalho (R$ 99). Segundo a equipe do restaurante, este é um dos pratos mais bem aceitos pelos visitantes. Outra referência é a Moqueca Maranhense (R$ 99), feita de Pescada Amarela. Um dos diferenciais da casa é o uso do Açafrão, esta especiaria, que dá a cor amarela ao arroz, tem propriedades anti-inflamatórias, antioxidantes, antibacteriana e outras.

Para quem viaja com crianças, o espaço kids chama-se Parque Kaya N’Gan Daya e é um espaço temático voltado para música popular brasileira. Os pratos kids variam de R$ 28 a 32 reais.

Atins

Já em Atins, o Sr. Rilton, guia que estava acompanhando o Você,Gastrô!, da empresa Barreirinhas Adventure, nos recomendou o Restaurante do Sr. Antônio. Lá é servido o tradicional Camarão Grelhado. O espaço remete ao clima praiano do vilarejo de Atins e a apresentação do prato é diferenciada, pois os camarões são limpos e quase sem casca.

Na hora da sobremesa, conhecemos uma figura incrível. Kauã, um garoto de 12 anos, vende suquinhos e bombons de chocolate em restaurantes da região para ajudar a mãe, que possui uma hérnia de disco e está levantando fundos para pagar uma cirurgia. Kauã nos contou que não deixa de ir a escola, todos dias. Mas, quando não está estudando, faz este esforço em prol da família que vive em uma situação muito difícil. Infelizmente, esta ainda é uma realidade em Atins, muitos nativos vivem da pesca e do turismo, e não possuem fácil acesso a tecnologia, saúde e educação. Inclusive, enquanto desfrutávamos o delicioso suquinho, o único pedido de Kauã foi que o deixássemos jogar em algum celular da equipe para se divertir. Vale a pena conhecer este pequeno sonhador e comer uma das deliciosas sobremesas.

Por volta das 19h, chegando ao final do passeio, é possível experimentar a tradicional Tapioca de Barreirinhas, conhecido na região como Beiju, antes da travessia do Rio Preguiças. O processo é bastante artesanal e a Sra. Satur fez uma coisa simples se tornar um espetáculo. A nossa escolha foi uma tapioca de carne de sol com queijo, acompanhada de um café quentinho por R$ 5,00 reais.

Carregando