COZINHA MARANHENSE

5 segredos para acertar na receita do Cuxá

Veja as dicas da chef para tornar o prato artesanal e, ao mesmo tempo, refinado

Prato típico da cultura alimentar do ludovicense, o cuxá é feito com as folhas da vinagreira, uma planta que apesar de não ser nativa do Brasil, se adaptou muito bem por aqui. Em geral, é servido como acompanhamento para mariscos e peixes e pode ser um boa pedida para complementar o prato principal nessa Semana Santa.

 Chef Juja com os temperos (Foto: Zqroz Neto)

Durante o 31º Abrasel, que aconteceu em São Luís recentemente, a chef Ana Lula apresentou aula-show com a versão dela para o prato. A chef é também conhecida como Juja, apelido que dá nome ao seu restaurante, Casa de Juja.

Temperos (Foto: Zqroz Neto)

“Olha, cozinhar é como estar bordando a mão, você vai alinhavando os sabores, cores, aromas… Você pode preparar um prato regional e artesanal, e ter um resultado extremamente refinado”, comentou a chef Juja. Ela conta também que não costuma ter as medidas de quantidades dos ingredientes que usa e que é preciso experimentar a comida antes de serví-la. Acompanhe os segredos dela para essa receita:

1. Acrescentar ingredientes tipicamente maranhenses, como o leite e azeite de coco babaçu, que trazem identidade ao prato;

2. Farinha de camarão seco. “É a mesma que usamos no vatapá, para engrossar o caldo”, relembra Juja. A farinha é feita com camarão seco, farinha branca e gergelim torrado. Todos os ingredientes devem ser batidos no liquidificador juntos. Em seguida, basta guardar na geladeira;

3. Não bater as folhas no liquidificador. Após o primeiro cozimento, as folhas devem ser maceradas na faca. ““Eu bato na faca, quero que as pessoas encontrem os pedaços da vinagreira, não o creme”;

4. Não usar pimentão verde. “Aumenta a acidez do prato”;

5. Caldo Maggi Meu Segredo.

Chef Juja mostrando água do cozimento do cuxá (Foto: Zqroz Neto)

Ingredientes

– 3 maços de vinagreira

–  Azeite de oliva

– 4 pimenta de cheiro

– 1  cebola grande ralada

– 2 tomates cortados em pedaços bem pequenos

– 2 dentes de alho pequenos

– 1 maço de coentro

– ½  maço de cebolinha

– 25 ml de leite de coco

– um fio de azeite de coco babaçu

– farinha de camarão seco para engrossar

– 100 g de camarão seco

– 100 g de camarão fresco (opcional)

– uma pitada de pimenta calabresa

– sal a gosto

Modo de preparo

  • Lave a vinagreira e em seguida cozinhe ela em água fervente de 5 a 10 min
  • Retire a água da panela e reserve
  • Retire a vinagreira da panela e macere ela na tábua com a faca. Reserve
  • Em uma frigideira coloque o azeite de oliva e a cebola ralada, o alho, a pimenta de cheiro e a pimenta calabresa
  • Acrescente o tomate, depois a vinagreira batida
  • Coloque a água do cozimento prévio
  • Em seguida ponha o  camarão seco, previamente refogado na cebola e azeite, e o leite de coco
  • Acrescente o tempero “meu segredo”, Maggi
  • Acrescente o coentro e a cebolinha
  • Coloque a farinha de camarão até engrossar e um fio de azeite de coco babaçu
  • Quando já estiver quase pronto, acrescente o camarão fresco (opcional)
  • Espero mais 5 min

Para servir a sugestão é arroz branco, peixe frito e farofa.

 

Cuxá sendo servido (Foto: Zqroz Neto)


O restaurante Casa de Juja realiza atendimento exclusivo mediante reserva por whatsapp nos números (98) 98768 6716 e (98) 982515594
Carregando